Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



 

Sears is giving its executives $25 million in bonuses. The same company has closed over 100 stores and laid off thousands of employees. What I want to know is: if Sears has $25 million to give bonuses to executives, why is the company telling laid off employees they don't have the money to pay their severance? This is what we mean when we talk about a rigged economy. Our job: Create an economy that works for all of us, not just those on top.

U.S. Senator Bernie Sanders

 

publicado às 21:12


"Eu tenho a minha alma limpa"?

por beatriz j a, em 02.12.16

 

 

Previa aquilo que aí vinha quando optou por abandonar a política ativa? 

Previa... A corrupção tinha começado e quando começa é como uma epidemia e não há propriamente vacina. Só a denúncia pública. Mas a imprensa também teve a sua cumplicidade nisto, porque em vez de denunciar casos reais pôs-se a espetacular com outros irreais. Hoje tudo está comprado ou vendido. Quase tudo. Eu tenho a minha alma limpa e se tivesse ficado na política eu conservava a minha alma limpa, mas podia ter alguns salpicos, porque estava limitado pela camaradagem e pela solidariedade que devia aos meus correligionários. Eu não podia estar a acusar o partido. Mas eu digo aí (aponta para o romance “Rio das Sombras”) o caso de um sujeito que quis ser deputado dois ou três meses para ficar no currículo e pagou cem contos ao PS para ir nas listas. Isso é verdade, mas não digo o nome. Eu fiquei tão indignado. Estou a falar há 35 anos ou 40 anos. Cem contos era muito dinheiro. Esses contratos não se fazem, mas era assim. Veja o que se passa hoje nos Estados Unidos. Quem não tem dinheiro não pode aspirar a desempenhar um cargo público. Aqui em Portugal tem que ter caciques para angariar os votos.  

António Arnaut

 

Então ele vê a corrupção, sabe da corrupção, sabe quem se vendeu a quem e quando e que casos são reais e irreais, conhece até o valor dos contratos, sabe que a corrupção é uma epidemia que só se trava com a denúncia, podia ter denunciado e evitado a epidemia mas vai-se embora sem denunciar para não estragar a sua vidinha e a do partido dos amigos e pensa que não é cúmplice da corrupção?? As suas mãos talvez estejam limpas mas a alma está suja, suja, suja.

 

 

publicado às 19:36


o programa do psd para a educação

por beatriz j a, em 13.05.11

 

 

 

O PSD diz que quer “Acabar com esta ideia de que dentro da própria escola temos professores a avaliar professores entre áreas que não são afins. Desburocratizar o sistema”, ... quer isto dizer que se forem da mesma área já está tudo bem? Ou seja, vão manter o mesmo sistema de pôr professores contra professores desde que sejam da mesma área?

Isto parece cada vez pior...

 

publicado às 13:56

 

 

 

Parlamento

PSD trava cortes nos salários dos magistrados

Penalizações a juízes e magistrados dos Ministério Público deverão hoje ser chumbadas.

O maior partido da oposição estará ao lado da esquerda do PS contra as alterações ao novo estatuto dos magistrados judiciais e do Ministério Público.

 

Políticos, gestores públicos e agora juízes e magistrados são portugueses de primeira. Os outros, os que ganham menos, são portugueses de segunda. Servem para sustentar os primeiros.

Adivinhem em que partido também não hei-de votar...?

 

publicado às 09:22


cada vez mais igual à outra

por beatriz j a, em 06.01.10

 

 

P

"A ministra disse esperar que “as organizações sindicais também façam uma aproximação” à proposta do Governo, considerando que o Ministério apresentou aos representantes dos docentes um projecto equilibrado, “que vai ao encontro daquilo que é uma carreira boa para os professores e que está equilibrada com as outras carreiras da função pública”.

“Estamos convictos de que se os professores analisarem bem a nossa proposta a vão aceitar, sublinhou.

Na semana passada, o Ministério da Educação enviou uma proposta de acordo aos sindicatos em que elimina a divisão da carreira docente em duas categorias hierarquizadas, mas introduz uma fixação anual de vagas no acesso ao 3.º, 5.º e 7.º escalões da carreira.

Quanto aos docentes avaliados com Bom, mas que por falta de vagas não consigam aceder àqueles escalões, terão prioridade no ano seguinte, “imediatamente a seguir” aos classificados com Muito Bom e Excelente, que progridem independentemente da fixação de vagas.

Caso não haja acordo esta semana, Isabel Alçada diz não temer a contestação dos professores: “Pode-se sempre trabalhar com serenidade. A relação entre o Ministério e os sindicatos deve ser sempre feita pela via do diálogo e não de uma forma conflitual”.

 

Vamos lá a ver: 1. a ministra começa por dizer, qual professora primária a falar com os seus alunos menores, que ela é que sabe o que é uma boa carreira para os professores(?!); 2. fez uma proposta que é um enorme desvio das recomendações aprovadas na Assembleia da República para depois atirar um rebuçado e dizer que fez uma aproximação e que espera que os sindicatos façam a outra aproximação que é, claramente, aceitar tudo o que ela quer; 3. dá a entender que os professores são um rebanho de idiotas que vão atrás dos sindicatos, já que, diz ela, se lessem eles mesmos as propostas assinavam logo o acordo (como se fosse evidente que ela é que sabe a verdade das coisas e os outros só não a sabem porque não pensam por si próprios); e finalmente, diz que quer o diálogo mas não está disposta a ceder, logo, a dialogar, e que não se importa com contestações, que é um modo de dizer que despreza a discordância e a voz dos professores.

Então isto não era tal e qual o discurso da Mª de Lurdes Rodrigues?

Quanto às avaliações dos professores diz que não acredita nelas e que quer distinguir os excelentes! Ou seja, quer reforçar o sistema de cunhas e favores que a outra arranjou com os titulares.

Espero que os sindicatos não assinem acordos desta natureza!

 

 

publicado às 19:52


ERC - premiar o infractor?

por beatriz j a, em 14.10.09

 

Jornal i

PSD lamenta que decisão da ERC tenha sido divulgada depois das eleições

por Agência Lusa, Publicado em 14 de Outubro de 2009

A suspensão do bloco informativo apresentado pela jornalista fez cair a direcção de Informação daquela televisão e transformou-se num facto político, com a Oposição a insinuar a intervenção do Governo e o primeiro-ministro a desmentir.

"O relatório confirma a intromissão abusiva do conselho de administração da TVI na direcção de Informação, o que na prática se traduz numa pressão sobre os jornalistas o que é susceptível de pôr em causa a liberdade de informação plural, isenta e livre de quaisquer interesses", adiantou Aguiar-Branco.

"Também registamos que o relatório faz notar que este comportamento é susceptível de influenciar e perturbar a campanha eleitoral que então estava em curso", concluiu.

 

Lamentamos todos, excepto os amigos do Sócrates. Pois se a ERC acredita que a suspensão do jornal de sexta perturbou a campanha eleitoraj - obviamente a favor de Sócrates- deviam ter divulgado o relatório antes das eleições para que o infractor, por assim dizer, não lucrasse com a infracção. Mas não senhor. Fizeram mais esse favor ao indivíduo que nos (des)governa, cujo nome anda metido em mais casos de corrupção que sei lá quem.

 

 

publicado às 19:30


no cabeçalho, pintura de Paul Béliveau. mail b.alcobia@sapo.pt

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Edicoespqp.blogs.sapo.pt statistics