Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Pensamentos de dois mélreis

por beatriz j a, em 27.03.15

 

 

 

Às vezes acontece que se disse tudo o que se podia dizer e esse tudo parece não ter impacto real de mudança. Então é melhor caminhar num sentido completamente diferente e sobreviver. Mas é uma desistência - o oposto de insistência.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:39


Pensamentos de dois mélreis

por beatriz j a, em 06.12.13

 

 

 

Pôr as coisas em perspectiva, no Tempo: devíamos pensar como se tivéssemos todo o Tempo e agir como se fossemos desaparecer amanhã... que é o que vai acontecer...

 

 

 

by 'Wait but why

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 06:22


Pensamentos de dois mélreis

por beatriz j a, em 10.11.13

 

 

 

A Filosofia é, e tem que ser, brutal.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:28


Pensamentos de dois mélreis

por beatriz j a, em 10.11.13

 

 

 

É uma virtude sabermos distinguir aquilo em que somos bons daquilo em que não somos bons e não termos problemas em assumir, tanto uma coisa, como outra. Humildade tem mais a ver com isso, penso, que com uma certa maneira subserviente de falar que, no entanto, esconde uma mente incapaz de compreender e assumir os erros e, por isso, arrogante.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:27


pensamentos de dois mélreis

por beatriz j a, em 16.10.13

 

 

 

Acrescentar pormenores de beleza aos objectos, edifícos, etc., é o reconhecimento do valor da totalidade da experiência humana, das ideias e emoções que ligam o nosso presente à tradição viva que nos precedeu e forjou. É um convite à reflexão nas ideias da experiência humana, porque o passado e o presente confundem-se na vivência da experiência humana.

 

 

 

rosebiar:Justina Persnickety • Medusa door knocker
Foto da net. Batente de porta com a Medusa

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:32


Pensamentos de dois mélreis

por beatriz j a, em 14.08.13

 

 

 

A coragem é uma forma de amor.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 06:32


pensamentos de dois mélreis

por beatriz j a, em 31.07.13

 

 

 

 

A poesia é um eco que se faz voz.

Vagueia pelas sombras sedenta de luz.

É uma dança obscura entre a vida e a morte,

bebe a alegria e a dor, ama o belo e o atroz.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 06:25


Pensamentos de dois mélreis

por beatriz j a, em 09.07.13

 

 

 

 

Acontece com as emoções relativamente aos conflitos e frustrações o mesmo que com as doenças e os antibióticos.

Quem tem a sorte de não ter doenças com regularidade, qualquer antibiótico, mesmo fraco, lhe é extremamente eficaz; mas, se não é esse o caso, tem que tomar cada vez maiores e mais fortes doses de medicamentos para que façam o menor efeito. As pessoas fortes são aquelas que têm resistência às doenças e não as outras que resistem aos medicamentos.

Com as emoções é a mesma coisa. As pessoas fortes são as que poucos conflitos e frustrações tiveram; os que tiveram que lidar com esas coisas com regularidade enfraqueceram ao ponto de, quaquer conflito ou frustração por pequena que seja, os deixar doentes, o que nas emoções se manifesta em ansiedade e desgaste, de tal modo que depois, resistem aos medicamentos vulgares e só grandes doses de afectividade muito forte restauram as resistências.

Assim como os doentes resistentes a antibióticos evitam expôr-se a factores de stress que desencadeiem doenças, também os doentes emocionais acabam por evitar expô-se a situações de frustração e conflito por receio de doença de difícil cura.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:07


Pensamentos de dois mélreis

por beatriz j a, em 19.06.13

 

 

 

 

Uma das maiores supresas que muito me ensinou na vida foi a descoberta de que as pessoas não são todos iguais.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 05:17


Pensamentos de dois mélreis

por beatriz j a, em 18.06.13

 

 

 

 

Amar é fácil, gostar é difícil. Amar é só sentir. Enquanto se ama tudo se tolera nesse sentir, até o que se desgosta. Mas gostar, é amar até o que não se gosta. É incorporar as coerências e as contradições numa totalidade do querer. O que ama, muitas vezes ama contrariamente ao que queria e ao que gosta e apesar daquilo que gosta. E, deseja ardentemente deixar de amar porque não gosta do objecto do seu amar. Pode chegar a odiar o próprio amar porque o 'obriga' a querer o que não gosta. O amor não acarreta consigo o gosto pelo outro. Já o que gosta, consciente e seguramente, necessariamente ama aquele/aquilo que gosta e nenhum ódio nem desejo de sair o assola porque o gostar traz consigo o querer, o desejar e o amar sem contradições.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:25


pensamentos de dois mélreis

por beatriz j a, em 18.03.13

 

 

 

 

As pessoas, como as coisas, vêm ao ser no nosso olhar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:26


pensamentos de dois mélreis

por beatriz j a, em 23.02.13

 

 

 

 

Uma das coisas melhores que se pode receber de presente é um livro da parte de alguém que sabemos ser pessoa culta e de bom gosto literário. Sabemos que temos nas mãos um potencial amigo para a vida, pois um livro escolhido por um bom leitor há-de ser um livro que todo se consome: o cheiro a capa, as ilustrações, o papel e outros pormenores, antes de nos enterrarmos no conteúdo. Como um bolo que, antes de ser provado já excita os sentidos pela beleza e pelo aroma que emana mas, ao contráro dele, um livro, pode até ser ofertado tendo já passado por outras mãos que não perde o valor, pois o valor de um amigo está na sua essênca e não na novidade, está em ser presente e não em ser intocado.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:47


Pensamentos de dois mélreis

por beatriz j a, em 17.11.12

 

 

 

 

Quando descobrimos que a vida é como um palimpsesto passamos a ler as entrelinhas e tudo se torna mais claro.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:15


Pensamentos de dois mélreis

por beatriz j a, em 04.11.12

 

 

 

 

Não vale a pena o rancor. Nem o rancor às pessoas -às que nos voltaram costas, às que nos trairam, aos falsos amigos- nem à vida, se nos tratou mal. O rancor é um castigo auto-infligido. Quem tem rancor à vida e aos outros, não vive. 

A única maneira de viver é no presente a projectar um futuro melhor. Tudo o resto são recusas, disfarçadas mortes.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:44


stop

por beatriz j a, em 04.10.12

 

 

 

 

... porque cada Outono que passa é menos um outono que temos.

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:29


Pensamentos de dois mélreis

por beatriz j a, em 11.08.12

 

 

 

 

A dúvida no conhecimento é prudência e rigor

no sentimento é só dor.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:06


Pensamentos de dois mélreis

por beatriz j a, em 24.07.12

 

 

 

 

Às vezes tomamos por má disposição o que é apenas insuficiência mas, pensando bem, quando a insuficiência não se sabe a si mesma como tal, resulta em má disposição, o que vai dar ao mesmo, só que não por maldade mas por cegueira.

Antes de ontem estava a ver o Hermano Hosé Saraiva dizer a uma jornalista que lhe perguntava como respondia ele aos que o acusavam de tomar liberdades com a História e de não seguir as regras da ortodoxia que o facto histórico é a matéria prima enformada depois pela imaginação (que é o mesmo que dizer que toda a história é interpretação e que toda a interpretação leva a marca do interpretador) e que o problema é que uns não têm consciência disso, donde, digo eu, quem afinal tem liberdades arrogantes são os que, também interpretando, querem ser os ditadores da ortodoxia assumindo que a sua interpretação é 'a' correcta.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:20


Pensamentos de dois mélreis

por beatriz j a, em 07.07.12

 

 

 

 

Há pessoas que usam a máscara da amizade para manter perto de si as pessoas. Por diversas razões. Para aqueles que não usam máscara, perceber a facilidade com que outros destroem a amizade é perceber o seu não valor aos olhos desses outros. Custa, saber que uma pessoa a quem valorizámos com lealdade e verdade, não nos pagou na mesma moeda.

O mais difícil nestes casos é sermos capazes de começar outras amizades como se nunca tivéssemos conhecido a traição. É preciso saber não guardar rancor da incapacidade dos outros para a verdade e para a lealdade. O castigo dessas pessoas elas próprias o desenham: acabam por perder todos os amigos e viver rodeadas de outros-máscaras, como elas. É sobretudo triste.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:58


Pensamentos de dois mélreis

por beatriz j a, em 21.06.12

 

 

 

 

Às vezes acontece as pessoas acontecerem a outras pessoas... apesar dessas outras não gostarem delas nem um bocadinho...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:39


Pensamentos de dois mélreis

por beatriz j a, em 26.05.12

 

 

 

 

A pior coisa é deixar de acreditar. A mais destrutiva é ter acreditado.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:46


no cabeçalho, pintura de Paul Béliveau. mail b.alcobia@sapo.pt

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D



Pesquisar

  Pesquisar no Blog



edicoespqp.blogs.sapo.pt-Google pagerank,alexa rank,Competitor