Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]





O (não)acordo

por beatriz j a, em 13.07.15

 

 

 

A conferência de imprensa da Merkele hoje de manhã depois do (não)acordo foi um bocado repugnante porque foi visível o prazer do anúncio da submissão do outro. À pergunta, 'este acordo não é como o acordo de Versailhes de há 100 anos?', respondeu que não faz comparações históricas, que o programa é como os de Portugal e Espanha onde funcionou sem confusões; disse ainda que o espanhol Rajoy e o português Passos Coelho, disseram várias vezes, durante a reunião, que o programa para a Grécia não é nada de especial [para quem tinha dúvidas sobre o papel do PPC]; à pergunta, 'será que os gregos [o povo], aceita este pacote de austeridade?', riu e disse que o povo grego por esta altura já percebeu que quer é ficar no euro, assim como quem diz, estamo-nos nas tintas para o gregos, se não querem obedecer podem ir embora; à pergunta, 'como é que vão financiar os bancos?', repondeu que a administração pública grega vai ter que ser despolitizada e fazer o que tem de ser... enfim, a UE morreu hoje, às 8 da manhã nossas, 9 horas deles. As perspectivas são muito sombrias, para os próximos muitos e muitos e muitos anos.

 

Entretanto, parece que em França o acordo foi alcançado por causa do Sarkozy. [En aucun cas, proteste Woerth, qui ose ce scoop sur les coulisses de l’accord de Bruxelles : «visiblement l’appel de Nicolas Sarkozy n’est pas resté lettre morte» puisque les propositions allemandes ont, in fine, été acceptées par la France.]

 

Em Portugal, como todos já sabemos foi por causa do PPC. Patéticos...

 

 

publicado às 19:34


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



no cabeçalho, pintura de Paul Béliveau. mail b.alcobia@sapo.pt

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D


subscrever feeds


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Edicoespqp.blogs.sapo.pt statistics