Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]





O triunfo da animalidade bestial

por beatriz j a, em 01.04.09

 

 

 

'Worse than the Taliban' - new law rolls back rights for Afghan wom

A burqa-clad Afghan woman

Masood/REUTERS

 

Hamid Karzai has been accused of trying to win votes in Afghanistan's presidential election by backing a law the UN says legalises rape within marriage and bans wives from stepping outside their homes without their husbands' permission.

The Afghan president signed the law earlier this month, despite condemnation by human rights activists and some MPs that it flouts the constitution's equal rights provisions.

Jon Boone reveals Afghanistan's new law denying women's right.

The final document has not been published, but the law is believed to contain articles that rule women cannot leave the house without their husbands' permission, that they can only seek work, education or visit the doctor with their husbands' permission, and that they cannot refuse their husband sex. 

 

 

O Afeganistão, que assinou, que eu saiba, a carta da Declaração Universal dos Direitos Humanos, acaba de aprovar a legitimidade da escravatura sexual - doravante as mulheres não podem sair de casa, ir ao médico, ou falar sem autorização dos homens e, não podem recusar sexo com eles, isto é, são consideradas escravas sexuais dos maridos. Vendidas pelos pais e irmãos a gajos para serem suas escravas. Nem sequer têm acesso aos filhos, que são pertença dos maridos e avós.

 

Numa metade do mundo perseguem-se os que traficam e escravizam mulheres - na outra metade isso é um desporto masculino: está aberta a caça às mulheres!

Quero ver o que fazem as Nações Unidas. Ou se isto é tudo uma hipocrisia mundial.

 

Uma pessoa fica doente a ler estas coisas e duvida da eficácia da argumentação e da racionalidade em certas circunstâncias em que a própria lei serve, não para defender os inocentes do crime mas para reforçar o poder dos criminosos. E,calculo, que na letra da lei esteja invocada a religião, Deus e outras m..... que, no que respeita à situação das mulheres, só tem servido para difundir o sofrimento, a miséria e o inferno, bem neste mundo,e não no próximo.

E para quê? Para que é são sacrificadas estas mulheres? Para nada. Para gáudio duns animais...

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:43



no cabeçalho, pintura de Paul Béliveau. mail b.alcobia@sapo.pt

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D



Pesquisar

  Pesquisar no Blog