Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]





No País do Sol Anda Tudo Nu

por beatriz j a, em 02.05.08

 

 

Li num jornal que o primeiro ministro acusa partidos da oposição de serem sectários e partidários nas suas críticas!!! ( lol )
Juro que pensava que os partidos e sectores da oposição tinham como dever, não aliar-se ao poder, mas sim fazer crítica, a partir, justamente, dos respectivos sectores partidários.

Pensaria o nosso primeiro que, à semelhança do que se passou com os sindicatos dos professores que parecem ser agora os porta-vozes do governo que temos, todos os partidos e sectores da sociedade passariam a falar a uma só voz com ele?

Não basta sermos as vítimas da ignorância e da incompetência? Temos ainda de fingir, nós todos, que não vemos este povo, que é um povo de gente decente, ser governado indecentemente?
Temos que fingir que não sabemos que as esquadras da polícia estão à mercê dos bandidos porque o dinheiro – o nosso dinheiro - que podia servir para aumentar ou modernizar as forças da polícia foi oferecido a um moço para ele brincar às corridas de automóvel?
Temos de fingir que não sabemos que o dinheiro – o nosso dinheiro – que podia servir para, por exemplo, os tribunais terem uma casa de banho para os seus funcionários, foi parar a firmas de advogados sabe-se lá para quê. ( sabe-se sim…)
Temos de fingir que não sabemos que o dinheiro – o nosso dinheiro - que podia servir para não termos escolas de 3º mundo, foi parar às mãos dum senhor para que ele faça 2 ou 3 vezes o mesmo trabalho?
Ou, ainda temos de fingir que não vemos que há quem pense ser a reencarnação do Marquês de Pombal? Que há quem pense que os cargos servem para fazer uma praça ou uma avenida ou uma marginal e depois pôr-lhe o seu nome?
Será que estão a pensar cegar-nos?
Em tempos idos lembro-me que cantávamos uma canção que era mais ou menos assim:
 -“que mais queres tu
   que mais queres tu
   no país do sol
   anda tudo nu.”

 

 

(publicado originalmente no Libertismo)

publicado às 18:11


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



no cabeçalho, pintura de Paul Béliveau. mail b.alcobia@sapo.pt

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D


subscrever feeds


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Edicoespqp.blogs.sapo.pt statistics